Enquanto políticos discutem o controle de armas no congresso americano, professores traumatizados com massacre na escola em Connecticut aprendem a atirar

BBC

Professores do Texas estão tendo aulas de tiro para se defender no caso de um outro ataque como o que ocorreu em dezembro na escola Sandy Hook , no Estado americano de Connecticut.

Relembre: Massacre em escola primária deixa 27 mortos nos EUA

Galeria de fotos:  Veja imagens de ataque contra escola primária dos EUA

Os Estados Unidos ainda estão traumatizados pelo massacre na escola de Sandy Hook, no qual um atirador matou 20 crianças , seis adultos e depois se matou. Os pais temem que um massacre semelhante volte a acontecer. E o presidente Barack Obama quer aumentar o controle da venda de armas no país.

Análise: P lano de Obama para controle de armas pode enfrentar resistência

Mas, desde as mortes, pouco mudou e ainda é facil comprar uma arma. E, no Texas, não é preciso nem obter licença para portar armas. Enquanto políticos discutem o controle de armas, o clima em milhares de escolas é de tensão. Por isso, em muitas instituições, as crianças e professores treinam para se defender de um possível ataque.

Apesar de polêmica, a medida não é novidade. Pelo menos dois distritos do Texas já permitem armas na sala de aula.

Assista ao vídeo:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.