Tumulto no Ano Novo mata 60 na Costa do Marfim

Por BBC |

compartilhe

Tamanho do texto

Cerca de 250 pessoas também ficaram feridas no acidente, próximo a estádio na principal cidade do país, Abidjan

BBC

Pelo menos 60 pessoas morreram pisoteadas nas comemorações de Ano Novo na principal cidade da Costa do Marfim, Abidjan.

Segundo equipes de resgate, outras 250 pessoas ficaram feridas no incidente, que aconteceu nas primeiras horas desta terça-feira (1º), próximo ao estádio Felix Houphouet Boigny, onde eram exibidos fogos de artifício para comemorar a chegada de 2013.

Leia também:
Piora de estado de saúde de Chávez cancela festa de Ano Novo em Caracas
Em luto por vítima de estupro, Índia cancela celebrações de Ano Novo
Veja as comemorações do Ano Novo pelo mundo

O acidente ocorreu quando as pessoas voltavam para casa, após o evento, mas as causas ainda não estão claras. Entre as vítimas estão muitas crianças.

As equipes de resgate afirmam que o número de mortos deve aumentar. 

Marcas
Após a tragédia, é possível ver muitas roupas abandonadas e marcas de sangue pelo estádio. Segudo a imprensa local, muitas pessoas foram ao estádio em busca de informações sobre familiares.

"Eu vejo todos esses corpos, mas não consigo encontrar meu filho", disse a mãe de um menino de nove anos à imprensa local.

O estádio Felix Houphouet Boigny tem capacidade para 65 mil pessoas. Na noite anterior à tragédia, o local abrigou um show de Chris Brown.

Leia tudo sobre: ano novocosta do marfimviolênciaáfrica

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas