Autoridades querem limitar prostituição em Amsterdã

Governo argumenta que atividade é plataforma para tráfico de pessoas e lavagem de dinheiro, mas críticos dizem que objetivo é arrecadar mais impostos com comércio na região

BBC Brasil |

BBC

selo

As autoridades de Amsterdã querem restringir a prostituição no famoso distrito da Luz Vermelha, que tem esse nome pelas lâmpadas que iluminam as entradas de casas em que prostitutas oferecem os seus serviços.

Moda: Populares em Amsterdã, 'bicicletas da cerveja' ganham espaço no mundo

O governo local argumenta que a atividade é uma plataforma para o tráfico de pessoas e a lavagem de dinheiro. No entanto, críticos afirmam que o fechamento de bordéis coloca as trabalhadoras do local em risco. Eles também dizem que as autoridades querem aumentar a arrecadação de impostos com o estabelecimento de lojas e comércio na região.

Assista ao vídeo:


    Leia tudo sobre: holandaamsterdãprostituição

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG