Americano sem pernas sobe o Kilimanjaro usando as mãos

Spencer West perdeu as pernas aos 5 anos por causa de doença genética; ele arrecadou mais de US$ 500 mil para serviços de caridade

BBC Brasil |

BBC

selo

Um americano sem pernas atingiu o cume do Monte Kilimanjaro, a montanha mais alta da África, caminhando com as mãos para chegar até o topo.

Aventura: Veteranos deficientes se arriscam em esportes radicais adaptados

Spencer West perdeu as pernas quando tinha 5 anos por causa de uma doença genética. Com a empreitada, ele arrecadou mais de meio milhão de dólares para serviços de caridade. O Kilimanjaro tem quase 6 mil metros de altura e é a quarta montanha mais alta do mundo.

Spencer cumpriu parte do trajeto em cadeiras de roda e parte caminhando com as mãos. Antes da subida, ele trabalhou com um personal trainer durante um ano para fortalecer os músculos dos braços. Ele precisou de seis dias para subir a montanha e dois para descer. Ele contou com a ajuda de seus dois melhores amigos.

Assista ao vídeo:

    Leia tudo sobre: euakilimanjaroáfrica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG