Polícia britânica encontrou 21 plantações de maconha por dia no último ano

Relatório diz que número mais que dobrou em quatro anos e que compra de sementes vem aumentando

BBC Brasil |

selo

A polícia do Reino Unido informou que uma média de 21 plantações de maconha foram encontradas por dia em todo o país no último ano. A Associação de Delegados de Polícia (Acpo, na sigla em inglês) diz que o número de plantações encontradas mais que dobrou nos últimos quatro anos.

Entre abril de 2011 e março de 2012 foram descobertas 7.865 plantações, elevando para 1,1 milhão o número de plantas apreendidas nos últimos dois anos. No ano anterior, a polícia tinha descoberto 6.866 plantações.

Em um relatório, a Acpo diz que a polícia confiscou o equivalente a um total de 100 milhões de libras (mais de R$ 306 milhões) em maconha no ano passado. Para Allan Gibson, da Polícia Metropolitana e analista de cultivo de maconha para a Acpo, "o cultivo comercial de maconha continua a representar um risco significativo para a Grã-Bretanha".

"(Há) Um número crescente de grupos do crime organizado se voltando para esta área da criminalidade", disse ele.

Mudança no cultivo

O relatório da Acpo aponta para uma mudança nos padrões de cultivo. Houve um aumento no cultivo em áreas menores, residenciais ou domésticas e uma redução do número da produção em grandes propriedades. Segundo a polícia, os produtores ilegais estariam apostando em plantações menores como forma de reduzir riscos de detecção.

A maconha continua sendo a droga ilegal mais comum entre os britânicos e a mais apreendida pela polícia, segundo o relatório.

O relatório também destacou que, com a crise econômica na Grã-Bretanha e a redução nas quantidades fornecidas por traficantes, houve um aumento no número de ocorrências ligadas ao cultivo da droga para uso pessoal - ou seja, houve um aumento no número de usuários que plantam sua própria maconha.

As informações da polícia também sugerem que a compra de sementes está em crescimento.

    Leia tudo sobre: maconhareino unidodrogas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG