Batman pode morrer em estória em quadrinhos

O alter-ego de Batman, Bruce Wayne, aparentemente foi morto na edição mais recente da revista em quadrinhos do super-herói. O escritor escocês Grant Morrison revelou esta semana que Wayne vai se aposentar ou será morto em um confronto com o sindicato do crime Black Glove (Luva Negra, em tradução livre).

BBC Brasil |

A história - Batman RIP (expressão latina para "descanse em paz") - mostra o super-herói sendo baleado pelo vilão, Simon Hurt, que alega ser o pai de Bruce Wayne, Dr. Thomas Wayne.

As histórias em quadrinho do personagem foram lançadas em 1939. Na década de 60, ele ganhou um seriado de TV e apareceu em vários filmes.

Ele teve pai e mãe mortos a tiros por um ladrão quando era menino e, já como um jovem industrial, acabou se tornando um combatente autônomo do crime - Batman.

Novo Batman?
Na cena final, Hurt tenta escapar em um helicóptero depois de abrir fogo contra Batman.

O super-herói, ferido, se atira contra o helicóptero, causando um acidente. Mas a estória em quadrinhos termina sem uma ilustração que mostre o cadáver de Wayne.

Morrison disse em meados desta semana: "Este é o fim de Bruce Wayne como Batman. Mas, como eu disse, é muito melhor do que morte."
"As pessoas matavam os personagens no passado mas, para mim, isto meio que encerra a história. Eu gosto de manter as voltas e reviravoltas."
"Então, o que eu estou trazendo é um destino pior do que a morte. As coisas que ninguém esperaria que acontecessem com estes caras."
Wayne pode estar morto, mas a editora DC Comics não dá sinal de que vai acabar com a franchise do Batman.

Morrison não quis revelar quem será o novo Batman mas, entre os líderes desta corrida estão Tim Drake, que desde 1991 vem sendo "Robin, o menino prodígio", o parceiro de Batman e Dick Grayson, o menino prodígio original, que agora protege Gotham City como Nightwing.

Esta não é a primeira vez que um super-herói tem um fim trágico no mundo das histórias em quadrinhos.

No ano passado, o Capitão América morreu depois de atingido por um franco atirador em Nova York.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG