Batida policial em um jardim de infância causa revolta na Rússia

As forças policiais russa, geralmente acusadas de brutalidade e corrupção, causaram um novo escândalo ao realizar uma revista num jardim de infância durante a qual os agentes interrogaram e aparentemente atemorizaram as crianças, informou a televisão russa.

AFP |

A polêmica operação aconteceu em Ekaterinburgo, cidade dos Urais, leste de Moscou, e provocou a indignação de pais e professores.

O departamento de crimes financeiros da polícia de Ekaterinburgo confirmou que seus agentes foram ao jardim de infância número 250 da cidade para investigar queixas segundas quais o diretor pedia subornos aos pais para admitir as crianças.

O chefe do departamento de polícia, Serguei Kupratsevich, negou que seus agentes tivessem maltratado os alunos e insisti que sequer entraram na área ocupada pelos menores.

Esta controvérsia acontece semanas depois de outro escândalo policial também em Ekaterinburgo, quando policiais teriam agredido e roubado um pianista clássico de 62 anos.

Leia mais sobre: polícia russa

    Leia tudo sobre: criançaspolícia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG