Bashir pede a países árabes rejeição à ordem de prisão da CPI

O presidente do Sudão, Omar al-Bashir, pediu nesta segunda-feira aos líderes da Liga Árabe reunidos em uma reunião de cúpula de Doha que rejeitem a ordem de prisão emitida contra ele pela Corte Penal Internacional (CPI).

AFP |

Bashir pediu aos colegas "resoluções claras e fortes de repúdios à decisão" da CPI.

A CPI, que desde 2005 investiga a guerra civil em Darfur, província do oeste do Sudão, emitiu em 4 de março uma ordem de prisão contra Bashir por crimes de guerra e crimes contra a humanidade.

Bashir pediu ainda uma reforma do Conselho de Segurança da ONU, organismo que chamou de "não democrático", por rejeitar a decisão desta instância de confiar o tema Darfur à CPI, ao mesmo tempo que civis americanos e militares não são levados ao mesmo tribunal.

tm/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG