O presidente da Comissão Européia, José Manuel Durão Barroso, disse neste sábado em uma entrevista à AFP em Pequim que é possível que decisões concretas e importantes sejam tomadas na cúpula do G20 em Washington, no dia 15 de novembro.

"Durante os contato bilaterais" mantidos nos dois dias de reunião Ásia-Europa, encerrada neste sábado na capital chinesa, "vi um consenso emergente que possibilitará que a cúpula de Washington chege a decisões concretas e importantes", afirmou Barroso.

O chefe de Estado francês, Nicolas Sarkozy, presidente em exercício da União Européia (UE) já havia se manifestado no mesmo sentido, indicando que "todos compreenderam perfeitamente que não é possível se reunir apenas para falar. Decisões serão tomadas".

ph-frb/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.