Barroso afirma que G20 está próximo de consenso sobre regulação financeira

O presidente da Comissão Européia, José Manuel Durão Barroso, afirmou que os líderes do G20 estão perto de um consenso sobre a aplicação de uma regulação melhor e de mais vigilância do sistema financeiro e de suas instituições.

AFP |

"A crise tem demonstrado que existiam problemas de regulação e de vigilância. Temos que tratar destes problemas", declarou Barroso depois do jantar de trabalho na Casa Branca, onde teve início na sexta-feira a reunião de cúpula dos principais países desenvolvidos e emergentes destinada a buscar soluções para a pior crise financeira desde a Grande Depressão dos anos 30.

"Não digo que estamos de acordo em tudo, mas acredito que agora existe uma disposição maior para reformar os princípios das finanças mundiais e também para reformar, mais adiante, as instituições financeiras mundiais, a saber o Fundo Monetário Internacional", acrescentou.

"Nenhuma instituição financeira deveria escapar da regulação e da vigilância", insistiu Barroso.

"Deveríamos estabelecer mais normas claras para que as finanças mundiais funcionem e acredito que existe um consenso neste sentido", concluiu.

lt/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG