Barco francês resgata cerca de 100 africanos em frente à costa do Iêmen

Sana, 21 mar (EFE).- Uma navio de guerra francês resgatou hoje cerca de 100 refugiados que estavam à deriva depois que o motor da embarcação em que viajavam da Somália ao Iêmen sofreu uma avaria no golfo de Áden, informaram fontes da Guarda-Costeira iemenita.

EFE |

Segundo informações, o navio patrulhava a região quando avistou o navio em frente à costa do porto iemenita de Áden, situado no sul do Iêmen.

Todos os refugiados são de nacionalidade somali e etíope, disseram as fontes, que destacaram que a embarcação avariada pertence a uma quadrilha que se dedica a traficar pessoas da Somália ao Iêmen.

A Guarda-Costeira iemenita lembrou que esse é o terceiro incidente do tipo registrado nos últimos meses.

No final de fevereiro, 45 refugiados, também somalis e etíopes, morreram afogados em frente à costa iemenita depois que o barco em que estavam naufragou no golfo de Áden.

Por sua vez, a 5ª Frota Americana, com sede no reino de Barein, informou neste sábado que ontem suas forças detiveram seis homens suspeitos de serem piratas na região do golfo de Áden.

A detenção foi se deu depois que a embarcação americana "USS Gettysbug" recebeu um pedido de socorro de um navio de bandeira filipina, do qual os seis suspeitos tinham se aproximado numa lancha rápida.

No entanto, os seis homens foram soltos e colocados de volta em sua lancha porque não foi possível confirmar que eles eram piratas.

EFE ja/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG