Barco belga sequestrado na África

Um barco belga que ativou o sistema de alarme silencioso na manhã deste sábado nas costas da África oriental foi a princípio vítima de sequestro, afirmou em Bruxelas o porta-voz do centro de crises do governo da Bélgica.

AFP |

"Houve contatos visuais, confirmamos que é a princípio um sequestro", declarou à AFP o porta-voz, Benoît Ramacker, que se negou a apresentar detalhes antes de uma entrevista coletiva prevista ainda para este sábado.

As autoridades belgas anunciaram mais cedo ter perdido o contato com um navio nas costas da África oriental, em uma região que é atacada com frequência por piratas somalis.

O "Pompei", navio de 65 metros de comprimento e 1.850 toneladas da companhia De Nul, especializada no transporte e instalação de material para proteger oleodutos, ativou de madrugada um alarme silencioso, segundo Ramacker.

A tripulação tem dois belgas, além de um holandês, croatas e filipinos.

siu/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG