Ban mostra consternação por morte de funcionários da ONU no Afeganistão

Nações Unidas, 18 ago (EFE).- O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, está consternado com a morte hoje de dois funcionários do organismo em um atentado no Afeganistão, no qual outras cinco pessoas morreram e 40 ficaram feridas, afirmou a porta-voz das Nações Unidas, Marie Okabe.

EFE |

O ataque aconteceu na estrada que liga Cabul a Jalalabad, quando um terrorista suicida lançou seu veículo contra o comboio militar da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), onde as vítimas viajavam.

"O secretário-geral está profundamente consternado com a notícia de que dois funcionários afegãos da ONU morreram, e um terceiro ficou ferido, no ataque que aconteceu hoje em Cabul", disse Okabe, em uma declaração, transferindo as condolências de Ban às famílias dos mortos.

Na estrada entre Cabul e Jalalabad, são frequentes os ataques contra veículos das tropas estrangeiras, principalmente americanos, que têm várias instalações militares ao longo da via.

O atentado contra o comboio ocorre depois que dois mísseis caíram hoje perto do palácio presidencial de Cabul, sem causar vítimas, disse em Cabul à Agência Efe uma fonte policial. EFE jju/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG