O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, condenou o ataque contra o comboio de uma agência humanitária da ONU, que matou pelo menos uma pessoa na Faixa de Gaza nesta quinta-feira, décimo terceiro dia da ofensiva israelense, declarou seu porta-voz.

"O secretário-geral condena o ataque das Forças de Defesa Israelenses (IDF) contra um comboio de ajuda da ONU em Gaza", indicou o porta-voz em um comunicado, divulgado em Nova York e Jerusalém.

"As Nações Unidas estão em contato com as autoridades israelenses para uma investigação completa deste e de outros incidentes e a discussão da necessidade de medidas urgentes para evitá-los no futuro", acrescenta a nota.

Ban Ki-moon "faz um apelo mais uma vez pelo cessar-fogo imediato, com o objetivo de facilitar o acesso total e sem obstáculos e permitir que os voluntários trabalhem em segurança e cheguem até as pessoas necessitadas".

pfm/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.