Nações Unidas, 13 ago (EFE).- O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, comemorou hoje o compromisso dos Estados Unidos de renovarem sua relação com o organismo mundial, expressado na quarta-feira pela embaixadora americana na organização, Susan Rice, em uma conferência na Universidade de Nova York.

A porta-voz da ONU, Marie Okabe, disse que Ban considera "essencial a liderança dos EUA na ONU, dada a complexidade dos diversos desafios enfrentados pela comunidade internacional, que vão desde a mudança climática até os direitos humanos, passando por assuntos de paz e segurança".

Em comunicado, Marie destacou que o secretário-geral agradece em particular a decisão do Governo e do Congresso americanos de pagarem a dívida de Washington com a organização, particularmente na área das missões de paz, em um total de US$ 160 milhões.

"Proporcionar os recursos que permitirão a ONU cumprir as metas atribuídas também é essencial", afirmou.

Marie reafirmou o compromisso de Ban com o processo de reforma interna da ONU, que é uma das prioridades de Washington, assim como sua vontade de colaborar com os EUA e todos os Estados-membros, para conseguir que o organismo cumpra com seu trabalho "da maneira mais eficaz, efetiva e responsável possível".

Obama visitará a sede da ONU em setembro, pela primeira vez desde sua eleição, para participar da Assembleia Geral do organismo. EFE jju/pd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.