Ban Ki-moon apoia decisão de corte de Haia sobre região sudanesa de Abyei

Nações Unidas, 22 jul (EFE).- O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, deu hoje as boas-vindas à decisão da Corte Permanente de Arbitragem (CPA) de Haia de reduzir a fronteira da região sudanesa de Abyei, rica em petróleo, concedendo mais terreno ao norte do Sudão.

EFE |

Ban "elogia a intenção das partes de cumprir e implementar de maneira pacífica" a resolução final sobre a disputa territorial, disse a porta-voz da ONU, Michele Montantes, sobre a decisão.

Abyei é uma região situada no limite entre o norte e o sul do Sudão e enfrenta um conflito armado há 21 anos, depois que o Governo central impôs a lei islâmica (sharia) em todo o país e rebeldes do sul, de maioria cristã e animista, se rebelaram.

A guerra terminou com a assinatura de um acordo de paz em fevereiro de 2005, que estipulava a realização de um referendo, em 2011, entre os habitantes do sul, para que decidissem se queriam a independência ou permanecer unidos ao resto do país, após um período transitório de seis anos. EFE emm/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG