relativamente leves - Mundo - iG" /

Ban diz que consequências da gripe suína foram relativamente leves

Nações Unidas, 5 mai (EFE).- O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, considerou hoje que as consequências da propagação da gripe suína foram até agora relativamente leves e pediu que todos estejam preparados para enfrentar a evolução da doença.

EFE |

"Seja qual for a trajetória deste foco, aprendemos uma valiosa lição", assegurou hoje Ban em entrevista coletiva concedida nas Nações Unidas.

O secretário-geral ressaltou que a aparição deste foco de gripe e a forma de seu contágio "nos lembra que vivemos em um mundo interconectado, no qual um perigo em um país é um perigo para todos, e exige uma atuação coletiva".

Por isso, declarou que solicitará à comunidade internacional nas próximas semanas um acordo em assuntos como a troca de informação e de amostras, além da criação de um mecanismo de financiamento para auxiliar os países mais carentes neste campo.

Estas medidas farão parte da agenda das reuniões que o secretário-geral levará para a Assembleia Mundial da Saúde, que será realizada no final de maio em Genebra.

Outro assunto desse encontro na cidade suíça será a importância de adiar nessas circunstâncias a adoção de restrições comerciais e proibições de voo até que dados científicos corroborem a necessidade para tanto.

Ban reiterou que a Organização Mundial da Saúde (OMS) não tem intenção de elevar o nível de alerta para 6, o mais alto da escala, mas destacou que é preciso manter a vigilância porque o vírus causador da gripe suína ainda é um grande desconhecido.

A OMS elevou hoje para 30 o número de mortos pela doença e a 1.490 os casos confirmados da pandemia, que já afeta 21 países. EFE jju/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG