Ban demonstra satisfação com libertação de jornalista no Irã

Nações Unidas, 12 mai (EFE).- O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, expressou hoje satisfação com a libertação da jornalista americana Roxana Saberi, que foi detida no Irã por supostamente fazer espionagem para os Estados Unidos.

EFE |

Ban "tinha conversado sobre o assunto em várias ocasiões com o Governo do Irã, a última vez em Genebra com o presidente (iraniano, Mahmoud) Ahmadinejad, e se sente satisfeito com que o caso tenha se resolvido", disse em entrevista coletiva o porta-voz da ONU, Farhan Haq.

No dia 18 de abril, a jornalista, de 32 anos, foi condenada no Irã a oito anos de prisão por crime de espionagem. Saberi foi solta na segunda-feira depois que o Tribunal de Apelação do país revisou a sentença.

A repórter foi detida em 31 de janeiro, quando aparentemente ia comprar vinho para uma festa, cujo consumo é proibido no Irã. EFE jju/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG