Bahamas e EUA recuperam 14 corpos de haitianos mortos em naufrágio

Miami, 22 abr (EFE).- As autoridades bahamenses e americanas recuperaram os corpos de 14 haitianos cuja embarcação naufragou no sábado em águas das Bahamas, no que parece ser um caso de tráfico de seres humanos, disse hoje à Agência Efe a Guarda Costeira dos Estados Unidos.

EFE |

Os americanos afirmaram que, desde domingo, recuperaram 14 corpos de haitianos, enquanto outros três imigrantes, dois haitianos e um hondurenho, de um "número de pessoas ainda não determinado", foram resgatados com vida.

As informações divulgadas ontem pela Guarda Costeira americana faziam menção a 20 mortos de um grupo de 24 que estavam em um barco que naufragou a 24 quilômetros a noroeste de Nassau, capital das Bahamas, após virar.

"Os números que recebemos na última segunda eram contraditórios", disse o porta-voz da Guarda Costeira, que destacou que o navio de pesca, que aparentemente tombou, ainda não foi localizado.

Ele também afirmou que as autoridades das Bahamas e a Guarda Costeira americana continuarão hoje com os trabalhos de resgate dos desaparecidos.

Chris Lloyd, gerente de operações da Associação de Resgate de Mar e Ar das Bahamas (Basra, em inglês), afirmou que o hondurenho, cujo nome não foi revelado, foi identificado como o suposto capitão da embarcação e organizador do tráfico de seres humanos junto a duas haitianas que sobreviveram ao naufrágio.

Os haitianos morreram no afundamento do navio que zarpou de Nassau no sábado à noite e no qual supostamente viajavam com destino ao estado americano da Flórida. EFE emi/wr/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG