Avô de ex-refém das Farc morre após saber de resgate

Bogotá, 4 jul (EFE).- O avô do cabo do Exército William Pérez, ex-refém das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) que durante quatro anos foi o enfermeiro de Ingrid Betancourt, morreu de infarto após saber da notícia da libertação de seu neto.

EFE |

O médico Wilman Angulo disse à imprensa que o idoso sofreu na quinta-feira um problema cardíaco quando via com sua família em uma televisão imagens de Pérez, resgatado na quarta-feira junto com outros 14 reféns pelo Exército da Colômbia.

"O paciente se emocionou e sofreu um infarto. Os parentes contaram que ele estava vendo televisão e comentando o que iriam fazer para receber o ex-refém e o senhor estava bastante emocionado e alegre", disse o médico.

William Pérez revelou hoje que durante o período em que ficou seqüestrado aproveitou seus conhecimentos de enfermagem para ajudar Ingrid Betancourt. EFE fer/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG