Aviões quase colidem sobre Porto Rico; incidente aconteceu ontem

Washington, 29 ago (EFE).- Dois aviões de passageiros quase se chocaram em pleno vôo quando cruzavam o mar do Caribe, informou hoje a Administração Nacional de Segurança no Transporte dos Estados Unidos.

EFE |

O incidente foi protagonizado por um avião da companhia aérea americana Delta, que havia partido de Port of Spain (Trinidad-Tobago) para Nova York, e um avião russo, também cheio de passageiros.

O quase choque aconteceu ontem, quando as duas aeronaves ocupavam o mesmo espaço aéreo enquanto sobrevoavam a região norte da ilha de Porto Rico.

Segundo o órgão americano, os aviões só não colidiram porque o transponder dos dois aparelhos estava ligado, o que fez soar o alarme em ambas as cabines de pilotagem.

Para não se chocar com a aeronave americana, o piloto do avião russo efetuou uma manobra para diminuir sua altitude em aproximadamente 100 metros.

Na hora do incidente, os aparelhos estavam sobre o mar, a cerca de 10.000 metros de altitude e aproximadamente 300 quilômetros a norte de San Juan, em Porto Rico.

A Administração Nacional de Segurança no Transporte, que não deu informações sobre o número de passageiros nos dois aviões, disse que o incidente está sendo investigado. EFE ojl/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG