Avião sai da pista na Jamaica, dezenas ficam feridos

Por Horace Helps KINGSTON (Reuters) - Um Boeing 737 da American Airlines com 154 passageiros e tripulantes a bordo saiu da pista enquanto aterrissava em meio à chuva torrencial na Jamaica na terça-feira, danificando sua fuselagem e parando a pouca distância do mar do Caribe, afirmaram autoridades e testemunhas do incidente.

Reuters |

Nenhum dos 148 passageiros e seis tripulantes a bordo do avião do vôo AA 331 morreu, mas as autoridades jamaicanas afirmaram que 90 foram levados a hospitais locais, onde receberam tratamento para fraturas, cortes e escoriações, assim como para choque.

"A situação está bem sob controle, não houve fatalidades e os feridos estão sendo tratados", disse o ministro da Informação da Jamaica, Daryl Vaz, a jornalistas.

"Até agora 90 pessoas foram para hospitais com fraturas, cortes e escoriações", afirmou ele.

Uma porta-voz da American Airlines, Andrea Huguely, afirmou que ao menos três pessoas ficaram internadas nos hospitais para observação e tratamento. Outras foram liberadas após receberem tratamento.

"Com o impacto, a aeronave atingiu um barranco quando saiu da pista, então a marcha de aterrissagem e os motores se desprenderam da aeronave, como foram programados para fazer. A ponta da asa esquerda também se separou da aeronave", afirmou ela.

"A fuselagem está intacta, mas há rachaduras em duas áreas", acrescentou ela.

Um passageiro contou a uma rádio local em Kingston que o voo estava "turbulento pelo caminho e o pouso foi horrível".

"O avião não pareceu estar reduzindo de velocidade quando aterrissou. Houve um forte barulho, depois uma pancada enorme e então começamos a perceber a chuva entrando pela parte de cima", disse ele.

"O avião bateu e se partiu quase na minha frente", disse outra passageira, Naomi Palmer, ao Jamaica Observer.

A ilha caribenha, popular destino turístico, foi gravemente afetada nos últimos dias pela chuva e por inundações, e as autoridades registraram o afogamento de uma criança jamaicana.

O incidente na Jamaica foi a segunda saída de pista da American este mês. No dia 13 de dezembro, a asas de um MD-82 da American saiu da pista em Charlotte, nos EUA, na aterrissagem, causando dano ao avião. Ninguém ficou ferido.

(Reportagem adicional de Karen Jacobs em Atlanta e Alan Elsner em Washington)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG