ISLAMABAD (Reuters) - Um avião não tripulado norte-americano, guiado à distância, realizou novo ataque contra supostos militantes islâmicos em uma região do Paquistão neste sábado, matando duas pessoas, informaram funcionários dos órgãos de segurança paquistaneses. Uma aeronave controlada remotamente lançou um míssil sobre uma casa na região do Wasiristão do Norte, no Paquistão, área suspeita de abrigar várias milícias islâmicas que combatem os EUA e as forças dos governo local e do vizinho Afeganistão.

Forças norte-americanas realizaram pelo menos 27 ataques do tipo no noroeste do Paquistão neste ano, utilizando aeronaves controladas à distância. Mais da metade deste número de ataques ocorreu após setembro, deixando claro a insatisfação dos EUA com o modo como o governo paquistanês está combatendo milícias no país.

Não havia confirmação imediata sobre a identidade dos mortos no ataque.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.