LIMA (Reuters) - Um Boeing que levava o presidente peruano Alan García fez um pouso de emergência nesta segunda-feira após ter um parabrisa danificado enquanto voava para o Equador, disseram autoridades. O Boeing 737 da Força Aérea Peruana aterrissou às 9h54 horário local (11h54 horário de Brasília) na cidade costeira de Chiclayo, a 770 quilômetros ao norte de Lima, de onde havia decolado.

Não houve feridos e García deve continuar sua viagem em outra aeronave. O gabinete do presidente disse que a parada não programada foi realizada para evitar uma despressurização da cabine.

García estava viajando a Quito, onde o presidente equatoriano Rafael Correa tomou posse para outro mandato e líderes sul-americanos se encontraram para uma cúpula.

(Reportagem de Marco Aquino e Teresa Cespedes)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.