Avião da Swiss faz pouso de emergência em Genebra por ameaça de bomba

Genebra, 23 ago (EFE) - Um avião da companhia Swiss que fazia um vôo Zurique-Málaga teve que fazer, nesta tarde, um pouso de emergência no aeroporto de Genebra devido a uma ameaça de bomba, informaram fontes aeroportuárias.

EFE |

Nenhum dos 141 passageiros a bordo ficou ferido no procedimento, que ocorreu às 15h05 (11h05 em Brasília), depois que o aparelho, um Airbus A321, desse meia volta quando estava voando sobre a França, informou Philippe Roy, porta-voz do aeroporto internacional de Genebra.

O alerta de bomba tinha sido recebido por telefone 20 minutos antes na companhia helvécia em Zurique, e "procedia da Espanha", disse à agência suíça "ATS" Franco Cullotti, porta-voz da Swiss, referindo-se concretamente a esse vôo.

O avião ficou parado no meio da pista e os passageiros foram retirados mediante as rampas de emergência, e, em seguida, foram levados a uma sala de espera.

O aparelho foi retirado da pista e desde as 17h50 (13h50 em Brasília) está sendo examinado pelos serviços de desativação de explosivos, sem que qualquer artefato tenha sido encontrado até agora, disse Roy.

A pista do aeroporto esteve fechada durante uma hora e meia, e oito vôos foram cancelados ou desviados à cidade francesa de Lyon.

Os passageiros afetados poderão voar hoje à noite em um outro vôo com destino a Málaga. EFE vh/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG