Avião com brasileiros vítimas de ataque no Suriname chega a Belém

BRASÍLIA - Cinco brasileiros vítimas do ataque no Suriname chegaram neste domingo, por volta das 21h15, ao Brasil, em um avião C-97 Brasília da Força Aérea Brasileira (FAB) que levou dois diplomatas para acompanhar a situação em Paramaribo, capital do país.

Vinícius de Oliveira, iG São Paulo |

Segundo informações do tenente coronel Oliveira, subcomandante da Base Aérea de Belém, Fernando Lima Silva, 29, foi encaminhado ao Hospital da Força Aérea para realização de radiografia devido a um ferimento na cabeça causado por golpe de facão.

Os outros quatro integrantes do grupo Antônio Souza Lima, 41, Reginaldo Viana Serra, 30, Antônio Rodrigues de Souza, 37, e Antônio José Silva Oliveira, 24, foram encaminhados à rodoviária de Belém e devem retornar para suas residências ainda nesta noite.

De acordo com o militar, "ainda não há solicitação do Ministério das Relações Exteriores para retorno da aeronave para a capital do Suriname para buscar outros brasileiros, mas equipes estão de prontidão".  

Na véspera do Natal, um grupo de brasileiros foi atacado por surinameses em Albina, no norte do país, em represália à morte de um morador local. O suspeito do assassinato é um brasileiro.

O mesmo avião da FAB levou diplomatas ao Suriname neste domingo. A missão diplomática não confirmou a morte de brasileiros no ataque, como havia sido relatado pelo padre brasileiro José Vergílio, que visitou o local e disse que sete brasileiros tinham sido mortos .

Leia mais sobre brasileiros atacados no Suriname

    Leia tudo sobre: ataquebrasilitamaratysuriname

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG