Avião cai no Irã e mata 168 pessoas a bordo

TEERÃ (Reuters) - Um avião de passageiros Tupolev caiu no noroeste do Irã na quarta-feira matando todas as 168 pessoas a bordo, disse a mídia iraniana. A aeronave, da empresa Caspian Airlines, carregava 153 passageiros e 15 tripulantes, disse Reza Jafarzadeh, porta-voz da autoridade de aviação iraniana, à mídia estatal.

Reuters |

A TV estatal mostrou imagens de destroços do avião e de algumas partes de corpos.

"Foi um grande desastre com pedaços da aeronave espalhados por uma área de 200 metros quadrados", disse um bombeiro à TV estatal iraniana.

"Houve uma explosão que deixou uma vala de dez metros de profundidade no chão. Não pudemos fazer nada. Nós tentamos apagar o fogo da melhor maneira que pudemos", disse ele.

Outras imagens de TV mostraram uma grande cratera aberta no solo de uma propriedade rural, com destroços metálicos espalhados pela área. Uma fumaça subia no local, enquanto a polícia e curiosos se aglomeravam ao redor.

O avião viajava de Teerã a Yerevan, na Armênia, quando caiu por volta das 11h33 (4h03 no horário de Brasília) perto da cidade de Qazvin, disse a agência de notícias oficial Irna.

A agência semioficial Far News citou uma importante autoridade provincial, Sirous Saberi, dizendo que o avião havia sofrido problemas técnicos antes de tentar fazer um pouso de emergência.

"Infelizmente o avião pegou fogo no ar e caiu... Diferentes partes pequenas desse avião podem ser vistas no chão", afirmou.

O comandante da polícia de Qazvin, Massoud Jafari, disse à Irna que "evidências mostram que esse avião de passageiros ficou completamente destruído".

O oficial Hossein Behzadpour disse que os bombeiros ainda tentavam apagar o fogo.

(Reportagem de Zahra Hosseinian e Parisa Hafezi)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG