Avião cai em bairro nobre da capital do México, ministro morre

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - Um avião de pequeno porte caiu na Cidade do México em meio ao intenso tráfico da hora do pico, provocando a morte de pelo menos oito pessoas, entre elas do jovem ministro do Interior, e deixando dezenas de feridos e carros em chamas. A aeronave, um Learjet de propriedade do governo com capacidade para uma dezena de pessoas, se dirigia ao aeroporto internacional da capital e caiu na avenida Paseo de la Reforma, em um bairro nobre da cidade.

Reuters |

O prefeito da cidade do México, Marcel Ebrard, disse à rede de televisão Televisa que o ministro do Interior, Juan Camilo Mouriño, de 37 anos, estava a bordo do avião e que não havia sobreviventes.

"É um fato. Não há outra possibilidade, temos os oito cadáveres dos que estavam a bordo", disse Ebrard, acrescentando que há 40 feridos.

Pelo menos quatro automóveis que circulavam no local do acidente pegaram fogo e se podia ver restos de corpos humanos a cem metros do lugar do impacto. Ainda se desconhece o motivo do acidente.

(Por Anahi Rama e Pablo Garibian)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG