Aviação turca bombardeia grupo de rebeldes do PKK no norte do Iraque

Ancara, 17 ago (EFE).- Aviões de combate turcos bombardearam na noite deste sábado um grande grupo de milicianos do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) que se escondia em cavernas no norte do Iraque.

EFE |

Segundo informou hoje o Estado-Maior do Exército turco, a Força Aérea recebeu uma informação dos serviços de inteligência para atacar os rebeldes refugiados em cavernas na região iraquiana de Avashin-Basyan.

Os militares informaram que muitos guerrilheiros do PKK se preparavam nessas cavernas para se infiltrarem na Turquia.

De acordo com a informação do Exército, divulgada em seu site, os aviões decolaram à meia-noite, e as cavernas e seus ocupantes foram atingidos durante o ataque. Após a operação, as aeronaves retornaram à sua base, no território turco.

O PKK tomou as armas em 1984 para exigir a independência dos 12 milhões de curdos que vivem na Turquia, e desde então mais de 35 mil pessoas morreram nos confrontos entre os rebeldes curdos e as forças de segurança turcas.

Após a captura de seu líder Abdulah Ocalan, em 1999, a maioria dos grupos do PKK se transferiu para o norte do Iraque, onde os milicianos estabeleceram suas bases e de onde atacam o território turco. EFE dt/wr/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG