Avalanches deixaram pelos menos cinco mortos e três desaparecidos domingo na Suíça, onde a forte nevasca ainda provocou um acidente de carro mortal e perturbou os transportes nesta segunda-feira, informou a polícia.

Esquiadores e um médico socorrista foram arrastados por duas avalanches sucessivas domingo nos Alpes suíços.

Médicos, socorristas e cães farejadores foram enviados imediatamente ao local do acidente, e oito pessoas foram resgatadas. No entanto, três morreram no hospital, entre elas o médico socorrista, que tinha 40 anos. O corpo de um excursionista também foi encontrado debaixo da neve.

Um alemão de 45 anos está entre os mortos, assim como um socorrista suíço de 62 anos.

Entre os feridos, estão três alemães (dois homens e uma mulher) e um canadense. O quinto ferido resgatado é um socorrista suíço.

Pelo menos três pessoas estão desaparecidas. As buscas foram suspensas nesta segunda-feira por causa das condições climáticas adversas, informou a polícia do cantão de Berna.

Também no domingo, um guia e seu acompanhante foram levados por uma avalanche no cantão de Valais. O guia sobreviveu, mas o acompanhante morreu.

A nevasca que continuava na tarde desta segunda-feira ainda provocou vários acidentes de carro, entre eles um mortal no cantão de Grisons, onde uma turista alemã de 32 anos faleceu quando um veículo se chocou contra seu trailer depois de derrapar em uma placa de gelo.

dro/yw

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.