Pelo menos 35 pessoas morreram e 30 ficaram desaparecidas depois que uma avalanche enterrou completamente um vilarejo no distrito de Kohistan, a cerca de 200 quilômetros de Islamabad, no noroeste do Paquistão.

O chefe da polícia regional, Mohammad Sadiq, disse à AFP que as estradas foram bloqueadas pela neve. "As equipes de resgate enfrentam vários problemas e tememos que mulheres e crianças estejam soterradas", afirmou. Helicópteros foram chamados para ajudar as equipes de resgate. 

AFP
Paquistaneses caminham sob a neve em 16 de fevereiro

Paquistaneses caminham sob a neve em 16 de fevereiro

Segundo informações das redes de TV paquistanesas, a avalanche ocorreu ontem à noite. A vila de Bagaro Serai, no Vale de Kandia, na Província da Fronteira do Noroeste, é tão remota que levou horas para que as primeiras informações sobre a tragédia chegassem, disse um correspondente da BBC em Islamabad.

Risco crescente

As avalanches são comuns nas montanhas do Paquistão, e fortes nevascas durante as duas últimas semanas aumentaram o risco de novos incidentes em todo o norte do país.

*Com informações da BBC e da AFP

Leia mais sobre Paquistão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.