Avalanche deixa pelo menos 166 mortos e 125 feridos no Afeganistão

Pelo menos 166 pessoas morreram e outras 125 ficaram feridas desde segunda-feira passada quando uma série de avalanches de neve atingiu na principal estrada entre as montanhas do norte do Afeganistão, informou nesta quarta-feira o Ministério do Interior do país.

EFE |

O porta-voz ministerial, Zemarai Bashary, explicou que 32 veículos foram destruídos e outros 70 ficaram danificados por um grande desmoronamento de neve na rodovia estratégica de Salang, situada na província de Parwan (norte do país).

AP
Membros do Exército carregam corpo de vítima da avalanche

Membros do Exército carregam corpo de vítima da avalanche

A estrada de Salang por onde transitavam os veículos ficou imediatamente bloqueada. No entanto, Bashary admitiu que a via ainda não foi totalmente evacuada.

Segundo o porta-voz, as atividades de busca e resgate que ocorreram durante as últimas 48 horas já estão quase encerradas. Por enquanto, as equipes de socorro encontraram 166 corpos, mas não especificou o número de pessoas que poderiam ainda estar soterradas.

Outras 2,6 mil pessoas foram resgatadas na estrada de Salang, a principal ligação viária entre Cabul e as montanhosas províncias do nordeste afegão.

Anteriormente, o porta-voz tinha afirmado em outra entrevista coletiva que 400 policiais e membros das equipes de socorro continuavam com os trabalhos de resgate e que a neve tinha sido retirada de cerca de 3,5 quilômetros de estrada.

O presidente afegão, Hamid Karzai, expressou ontem condolências às famílias das vítimas e ordenou às autoridades "fazer todos os esforços possíveis para que se reabra o mais rápido possível o túnel e dar ajuda aos que necessitam", segundo um comunicado do gabinete presidencial.

Na estrada de Salang há um túnel, construído em 1965 pela União Soviética, com cerca de 2,6 quilômetros, que atravessa a cordilheira de Hindu Kush, imprescindível para ligar Cabul com algumas das mais importantes cidades do norte afegão.

A Força Internacional de Assistência para Segurança (Isaf), missão militar sob comando da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), informou ontem que as Forças Aéreas afegãs, com a ajuda de membros da Isaf, realizaram várias missões para resgatar os motoristas soterrados pela neve.

Alguns deles foram transferidos à principal base americana no Afeganistão, em Bagram, próximo a Cabul. A Isaf também afirmou ter distribuído cobertores e ajuda humanitária na região.

Leia mais sobre avalanche

    Leia tudo sobre: avalanche

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG