Pequim - Nove pessoas morreram no sudoeste da China após serem enterradas em uma avalancha de barro causada pelas intensas chuvas de monção que afetam o país a cada verão (hemisfério norte), informou hoje a imprensa local.

Segundo as autoridades da província de Sichuan, os dois últimos corpos foram recuperados durante o fim de semana, depois que os nove foram sepultados na sexta-feira passada.

Os falecidos eram operários que moravam nas instalações da firma Sinohydro Bureau 10, uma empresa de engenharia e construção da comarca de Jinyang.

Segundo dados do Escritório de Controle de Inundações e Secas, as chuvas de monção deixaram até a quinta-feira passada 307 mortos na China, além de 113 desaparecidos e 67 milhões de afetados.

Leia mais sobre:  China

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.