Autoridades sobem para 75 o número de mortos em terremoto em Java

Jacarta, 7 set (EFE).- As autoridades indonésias elevaram hoje para 75 o número total de mortos no terremoto da semana passada, na ilha de Java, enquanto continuam as operações de resgate em algumas regiões, apesar da reduzida esperança de encontrar sobreviventes.

EFE |

O número oficial de deslocados é de cerca de 90 mil e o de feridos, de aproximadamente mil.

O último corpo resgatado foi o de uma mulher, encontrado na manhã de hoje em Cikang Kareng, no distrito de Cianjur, sob as rochas da avalanche que soterrou a remota aldeia, causada por um terremoto de 7,4 graus na escala de Richter, informou a Agência Nacional de Gestão de Desastres (BNPB, na sigla em indonésio).

Outras 30 pessoas foram dadas como desaparecidas sob toneladas de pedras na região, mas os especialistas acreditam que há poucas chances de elas estarem vivas e de as operações de busca encontrarem novos corpos, devido às dificuldades de remover as montanhas de pedra.

As tarefas de resgate neste e em outros locais continuarão até a noite de amanhã.

Um dos principais problemas enfrentados pelas autoridades nas áreas devastadas pelo terremoto é a rápida difusão de doenças entre os desabrigados.

O Ministério da Saúde da Indonésia anunciou o envio de 25 toneladas de remédios aos cinco distritos mais afetados, que se somarão aos fornecidos por ONGs.

O terremoto aconteceu na quarta-feira, com o epicentro localizado no litoral meridional de Java, e afetou o oeste da ilha. EFE jpm/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG