Autoridades retomam negociações para governo de união no Zimbábue

As negociações para um governo de união foram retomadas nesta segunda-feira no Zimbábue, depois de vários meses de estancamento, na presença de vários chefes de Estado da África Austral, comprovou a AFP.

AFP |

Vários líderes da oposição zimbabuense, entre eles Morgan Tsvangirai, chegaram para conversas com o presidente Robert Mugabe e os mediadores dos países do sul da África.

"Chegou a hora de encontrar um terreno de entendimento entre zimbabuanos. É a hora da flexibilidade, o compromisso e o pragmatismo", declarou Arthur Mutambara, líder de uma facção dissidente do Movimento para a Mudança Democrática (MDC).

"Como opositores, compartilhamos e aprovamos os pedidos do MDC. Apoiamos estes pedidos. Esperamos e confiamos que Robert Mugabe e seu partido sejam capazes de responder positivamente a nossas exigências", disse Mutambara.

As negociações tentam materializar o acordo de repartição do poder assinado em 15 de setembro para tirar o país da paralisia na qual entrou após a derrota dos governistas nas eleições gerais de março de 2008.

O MDC pede também a liberação de opositores capturados em dezembro, sob suspeitas de conspiração contra Mugabe, de 84 anos, no poder desde à independência desta antiga colônia britânica em 1980.

Leia mais sobre: Zimbábue

    Leia tudo sobre: zimbábue

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG