Autoridades prometem reconstruir escolas destruídas por terremoto na China

Pequim, 21 mai (EFE).- As autoridades chinesas informaram que as escolas destruídas pelo terremoto do dia 12 de maio serão reconstruídas, 4.

EFE |

500 delas na província de Sichuan.

As chuvas dificultam os trabalhos de resgate e ajuda à população, que já não tem esperanças de encontrar familiares vivos e se refugia em abrigos provisórios.

Segundo a agência oficial "Xinhua", fontes oficiais chinesas disseram que ainda são necessárias três milhões de tendas para os mais cinco milhões de desabrigados pelo terremoto, de 8 graus na escala aberta de Richter.

Em visita ao município de Chongqing, um dos devastados pelo terremoto, He Guoqiang, um funcionário de alto escalão do Partido Comunista da China (PCCh), pediu que os responsáveis pela reconstrução das escolas tenham muita atenção à qualidade das obras, para que elas sejam resistentes a terremotos.

Os responsáveis chineses se comprometeram a investigar as causas do desmoronamento generalizado das escolas, em função das críticas dos pais que perderam seus filhos.

As famílias das vítimas afirmam que a corrupção local foi responsável pela qualidade dos materiais usados nos prédios que caíram. EFE pc/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG