Autoridades investigam choque de trens que feriu 109 no México

México, 19 abr (EFE).- A companhia Ferrocarriles Suburbanos e o Estado do México iniciaram investigações para determinar as causas do acidente registrado neste sábado, que deixou mais de 100 feridos.

EFE |

"A Ferrocarriles Suburbanos expressa solidariedade para com os passageiros afetados, e reitera que continuará informando à opinião pública assim que tiver mais informação sobre o lamentável acidente", informou a empresa de transportes hoje.

O acidente ocorreu às 22h20 de sábado (00h20 deste domingo em Brasília), quando dois trens com centenas de passageiros se chocaram entre as estações de San Rafael e Lechería.

Um deles aparentemente estava parado nos trilhos quando ocorreu o impacto, que mobilizou bombeiros, equipes da Defesa Civil e de resgate, assim como do Exército mexicano.

"A Cruz Vermelha socorreu 109 feridos", informou um porta-voz da instituição, que mobilizou 50 ambulâncias à região.

O secretário de Defesa Civil da capital mexicana, Elías Miguel Moreno Brizuela, explicou à Agência Efe que, aparentemente, um dos trens "freou, mas não foi suficiente para evitar o impacto" com o outro, que possivelmente estava parado sobre a via, acrescentou.

A vítima mais grave foi levada ao Hospital de Traumatologia de Lomas Verdes, onde foi operada, "se encontra em estado grave, mas fora de perigo", disse à Efe um porta-voz da Procuradoria de Justiça do Estado do México.

Brizuela trabalha com a hipótese de erro humano, o que está sendo investigado. EFE act/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG