Autoridades investigam causas do acidente de ferry boat em N.York

Nova York, 10 mai (EFE).- As autoridades americanas ainda investigam as causas do acidente sofrido no sábado por um ferry boat quando atracava no cais de Staten Island, em Nova York, procedente de Mahnattan e no qual 36 pessoas ficaram levemente feridas e uma em estado grave.

EFE |

Nova York, 10 mai (EFE).- As autoridades americanas ainda investigam as causas do acidente sofrido no sábado por um ferry boat quando atracava no cais de Staten Island, em Nova York, procedente de Mahnattan e no qual 36 pessoas ficaram levemente feridas e uma em estado grave. A embarcação é uma das que unem as costas das duas ilhas para facilitar o transporte dos nova-iorquinos em uma rota que também é muito utilizada pelos turistas para ver mais de perto a Estátua da Liberdade. O Comitê Nacional de Segurança no Transporte, que investiga o incidente, constatou que os dois motores da frente do barco - no qual viajavam 252 passageiros e 18 membros da tripulação - travaram por causa do impacto contra o cais, enquanto os dois motores de popa (traseiros) continuaram funcionando normalmente. "Todo o relativo aos motores era normal antes do acidente", assegurou hoje Robert Sumwalt, um dos membros do Comitê, à emissora de rádio local "1010WINS". Segundo ele, os exames de doping realizados com a tripulação deram negativo. Ainda faltam ser divulgados os resultados dos exames sobre consumo de drogas e medicamentos. "Neste momento da investigação, não descartamos nada. Todas as opções estão sobre a mesa", acrescentou Sumwalt. Segundo ele, por enquanto não se detectaram problemas elétricos ou mecânicos no ferry boat, embora as autoridades locais inicialmente tenham sugerido essa possibilidade. A embarcação, chamada "Andrew J. Barberi", é a mesma que se acidentou em 2003 ao chegar também em Staten Island. Na ocasião, morreram 11 pessoas. O acidente de então havia ocorrido porque o piloto, que estava sob efeito de medicamentos, desmaiou no comando do barco. As autoridades investigam as imagens das câmeras de segurança do ferry boat. Está previsto que ainda hoje os investigadores interroguem membros da tripulação. A informou nos últimos dias a apreensão de um desenho das instalações do ferry boat, cuja autoria se atribui a Faisal Shahzad, o americano de 30 anos de origem paquistanesa que foi detido pelo recente atentado frustrado com carro-bomba na praça Times Square. A descoberta desse desenho assustou as autoridades, fazendo-as temer que essa popular linha de transporte entre as duas ilhas possa estar na mira de organizações terroristas. EFE mgl/sa

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG