Autoridades da Flórida acham mendigo que herdou US$ 100 mil da mãe

Miami, 7 ago (EFE) - As autoridades da Flórida (Estados Unidos) encontraram um mendigo que era procurado por semanas por um advogado para ser informado de que tinha herdado US$ 100 mil da mãe, ao ser reconhecido por uma notícia publicada em um jornal local. Ronald Novack, de 61 anos e que dormiu em ruas por muitas noites, apareceu em Plantation, ao norte de Miami, quando foi a um centro médico para ver o doutor que tratava a mãe, falecida em 2001. Soube hoje desta herança. Todos estamos muito felizes, disse Novack, segundo a edição digital do jornal Sun-Sentinel.

EFE |

O advogado Richard Ansara tinha visto Novack em maio antes que fosse detido durante 47 dias.

Na tentativa de achar o mendigo, Ansara tinha distribuído panfletos com a foto do homem em várias lojas e forneceu a notícia ao "Sun-Sentinel", o que permitiu aos funcionários do centro médico de Plantation reconhecer Novack.

As enfermeiras ligaram à Polícia e imediatamente agentes escoltaram o mendigo até a estação policial, onde pediram para que o advogado o recolhesse.

Os agentes também tinham lido sobre a busca de Novack no jornal.

O advogado recolheu Novack, o levou a tomar café-da-manhã em um restaurante próximo à estação de Polícia e depois o transferiu a seu escritório em Fort Lauderdale para realizar os trâmites da herança.

Uma pesquisa feita pelo jornal determinou que 42% das pessoas entrevistadas disseram que o indigente deve usar os US$ 100 mil para encontrar um local onde viver. EFE so/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG