Pequim, 5 ago (EFE).- O coordenador de resgate na mina de carvão de Nadu, na Região Autônoma de Guangxi, no sul da China, confirmou hoje a morte de 36 trabalhadores do poço, após uma inundação ocorrida há 16 dias, informou a agência oficial Xinhua.

Os últimos seis cadáveres foram achados nas últimas 48 horas, segundo a informação.

O acidente, que aconteceu em 21 de julho, deixou 57 trabalhadores presos, mas 21 foram resgatados com vida nos dias posteriores.

O Governo local começou os processos de indenização das famílias das vítimas. EFE tp/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.