Washington, 27 abr (EFE).- As autoridades judiciais dos Estados Unidos apresentaram hoje acusações contra uma colombiana extraditada ao país por uma suposta conspiração para prestar apoio material às Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), disse o Departamento de Justiça americano.

Luz Mery Gutiérrez Vergara, de 32 anos, compareceu hoje a um tribunal federal em Washington, onde foi acusada formalmente de conspiração para dar apoio material ou fornecer recursos a uma organização terrorista estrangeira.

Pela acusação, Gutiérrez Vergara participou de uma conspiração para ajudar as Farc a estabelecer uma rede de apoio logístico e de provisões cujo objetivo era obter armas, munição, artefatos de alta tecnologia, dinheiro e outros materiais.

Se for considerada culpada, ela pode ser condenada a até 15 anos de prisão. EFE mp/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.