Autoridade francesa não planeja sanções contra Rússia

PARIS (Reuters) - Os líderes da União Européia não vão impor sanções contra a Rússia na cúpula a ser feita na segunda-feira, na qual discutirão a questão da Geórgia, disse um importante diplomata francês na sexta-feira. No estágio atual, não esperamos que nenhuma sanção seja decidida pelo Conselho Europeu, disse a autoridade, que falou sob a condição de manter-se anônima, a repórteres.

Reuters |

'O tempo de aprovar sanções com certeza ainda não chegou', disse, acrescentando que as relações entre a UE e a Rússia estarão 'sob observação' enquanto os seis pontos do acordo de cessar-fogo mediado pela França não forem cumpridos.

O ministro das Relações Exteriores francês, Bernard Kouchner, disse na quinta-feira que, entre as medidas a serem consideradas contra a Rússia, está a aplicação de sanções.

Mesmo assim, ele afirmou que a França não faz parte dos países que pressionam pela aplicação de sanções.

A França, que tem a Presidência rotativa do bloco, convocou uma reunião de chefes de governo da UE para segunda-feira, para discutir a crise na Geórgia, que irrompeu neste mês devido a uma região separatista georgiana chamada Ossétia do Sul.

(Por François Murphy e Emmanuel Jarry)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG