Arquipélago Gulag é enterrado em Moscou - Mundo - iG" /

Autor de Arquipélago Gulag é enterrado em Moscou

Moscou, 6 ago (EFE).- O escritor russo e Prêmio Nobel de Literatura de 1970, Aleksandr Solzhenitsyn, foi enterrado hoje na necrópole do Mosteiro de Donskoi, em Moscou, em uma cerimônia solene com a presença do presidente da Rússia, Dmitri Medvedev.

EFE |

A cerimônia fúnebre aconteceu sem discursos, com celebrações religiosas e honras militares prestadas ao escritor em sua qualidade de veterano da Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

Os tiros da guarda de honra anunciaram aos moscovitas que o literato tinha sido enterrado.

Os funerais de Solzhenitsyn começaram com uma missa de corpo presente na presença da viúva, Natalya, de seus filhos e parentes.

Medvedev, que interrompeu suas férias para comparecer ao enterro, assistiu à cerimônia religiosa na catedral, onde depositou um ramo de rosas vermelhas no caixão aberto do escritor e expressou seus pêsames à viúva.

Após o velório, o caixão de Solzhenitsyn foi carregado por oficiais para a parte central do cemitério, onde estão enterradas várias personalidades russas.

O corpo de Solzhenitsyn foi levado ao Mosteiro de Donskoi na noite de terça-feira, depois de milhares de moscovitas se despedirem dele durante o velório, realizado na sala fúnebre da Academia de Ciências da Rússia.

O primeiro-ministro e ex-presidente da Rússia, Vladimir Putin, foi um dos primeiros a comparecer ao velório e expressar suas condolências à viúva e aos filhos de Solzhenitsyn, que receberam os pêsames de dezenas de representantes da política e da cultura russas.

O autor de "Arquipélago Gulag" morreu na noite de domingo aos 89 anos em conseqüência de insuficiência cardíaca. EFE si/wr/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG