Autópsia mostra que sobrinho de Jennifer Hudson levou vários tiros

Chicago (EUA), 28 (EFE).- O sobrinho de sete anos da cantora e atriz Jennifer Hudson morreu em conseqüência de vários tiros, segundo o resultado da autópsia divulgado hoje pelo escritório legista do condado de Cook, em Chicago.

EFE |

Em um breve comunicado, foi informado que Julian King recebeu múltiplos ferimentos de bala e sua morte foi declarada homicídio.

No entanto, não se especifica onde ele foi atingido, nem quanto tempo transcorreu entre sua morte e o cadáver ser encontrado.

O escritório legista afirma que não pode revelar estes dados porque a investigação policial ainda está aberta.

Fontes policiais disseram, no entanto, que dois dos tiros que atingiram o menino foram na cabeça.

O corpo do sobrinho de Hudson foi achado no interior de um veículo abandonado na zona oeste de Chicago, após ficar desaparecido quase três dias. EFE jm/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG