VIENA (Reuters) - Um homem de Viena matou cinco membros da sua família, incluindo a filha de 7 anos, e depois se entregou, dizendo ter problemas financeiros, informou a polícia austríaca na quarta-feira. Os mortos são a esposa, a filha, os pais e o sogro dele.

O homem, de 39 anos, confessou à polícia no início da quarta-feira. Ele pediu dinheiro emprestado aos parentes, perdeu em negócios especulativos que deram errado e afirmou que quis poupar os familiares do escândalo.

Policiais foram ao apartamento dele em Viena e descobriram os corpos da esposa e da filha. Os pais dele foram encontrados em Ansfelden, oeste da capital do país. Os restos do sogro estavam perto da cidade de Linz.

'Como motivo, ele deu as grandes dificuldades financeiras', afirmou um porta-voz da polícia.

O machado foi encontrado no carro do austríaco.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.