Australiano é acusado por conduzir cadeira de rodas bêbado

BRISBANE, Austrália - Um homem que dormiu no volante de uma cadeira de rodas motorizada em uma auto-estrada do norte da Austrália foi acusado de dirigir bêbado, afirmou a polícia nessa segunda-feira.

AP |

As autoridades perceberam o homem na cadeira de rodas ao patrulhar a região por volta das 22h de sexta-feira em uma faixa de saída perto da cidade turística de Cairns, afirmou o inspetor de trânsito Bob Waters.

Os carros passavam a toda velocidade em volta dele, disse Waters.

As autoridades fizeram um teste de bafômetro no homem de 64 anos, que registrou um nível de álcool de 0.301 - seis vezes mais que a quantidade legal permitida para conduzir um veículo no país.

Ele foi acusado de dirigir embriagado e deverá se apresentar na corte no dia 7 de julho, onde poderá ser obrigado a pagar uma multa caso seja condenado.

"Nós geralmente vemos pessoas conduzindo carros de família, caminhões, motos", disse Waters. "Mas também há outros tipos de veículos que estão sujeitos aos limites do consumo de álcool", inclusive cavalos, bicicletas e cadeiras de rodas motorizadas.

O homem, cujo nome não foi revelado, disse à polícia que realizava o caminho de 14 quilômetros entre a casa de um amigo e a sua.

"Ele se colocou em risco", disse Waters.

Leia mais sobre: Austrália

    Leia tudo sobre: austrália

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG