Austrália manterá soldados no Afeganistão

A Austrália manterá sua presença militar no Afeganistão, garantiu nesta quarta-feira o primeiro-ministro australiano, Kevin Rudd, ao ser recebido em Washington pelo presidente Barack Obama.

AFP |

"Temos o compromisso conjunto de fazer todo o possível para que o Afeganistão não se torne um refúgio de terroristas", disse Rudd após o encontro com Obama, que não pediu ao premier o envio de mais homens ao território afegão.

A Austrália seguirá sendo "um aliado forte, com o qual os Estados Unidos poderão contar", garantiu Rudd.

Ao menos dois terços dos australianos rejeitam o envio de mais tropas ao Afeganistão, onde o contingente da Austrália tem 1.100 militares, segundo pesquisa publicada na segunda-feira.

sct/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG