Sydney (Austrália), 21 mai (EFE).- As autoridades sanitárias da Austrália confirmaram hoje um novo caso da gripe suína, o de uma mexicana que tinha viajado para Melbourne, o que eleva a seis o número de contágios confirmados no país.

A ministra da Saúde, Nicola Roxon, disse que a paciente é uma mulher de 51 anos que ficou doente na terça-feira, dois dias após chegar ao país, e cujos resultados dos exames deram positivo na noite desta quarta-feira (hora local).

A ministra alertou para que o número de contagiados pode aumentar.

Até esta quarta, o único caso da doença registrado na Austrália era o de uma mulher de 28 anos que voltou dos Estados Unidos no dia 7 de maio, e que já recebeu alta.

No entanto, foram confirmados outros quatro casos da doença nesta quarta: uma mulher de Nova Gales do Sul e três crianças de uma mesma família no estado de Victoria.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE mg/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.