Austrália acaba com último dos incêndios que mataram mais de 200

Sydney (Austrália), 14 mar (EFE).- Os bombeiros da Austrália anunciaram que apagaram hoje o último dos incêndios que ardiam há 36 dias no estado de Victoria, no sudeste do país, e que mataram 210 pessoas, informou a emissora de rádio local ABC.

EFE |

A chuva e as temperaturas mais frias contribuíram para a contenção das chamas no Parque Nacional de Wilson, que se estende por mais de 90 quilômetros quadrados nas cercanias de Melbourne, capital do estado.

No entanto, as operações oficiais em busca de corpos continuam com a ajuda de reservistas dos estados de Nova Gales do Sul, Austrália do Sul e Austrália Ocidental.

A busca começou esta semana em Marysville, cerca de 150 quilômetros a nordeste de Melbourne, onde se sabe que 45 morreram e as autoridades temiam que o número de vítimas pudesse chegar a 100 de seus 519 habitantes.

Os incêndios, alguns deles criminosos, começaram em 7 de fevereiro passado, quando o sul da Austrália estava há duas semanas imerso em uma onda de calor sem precedentes. EFE mg/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG