Aumenta para 4 número de mortos por gripe na Índia

Nova Délhi, 9 ago (EFE).- Duas pessoas morreram hoje por causa da gripe A na Índia, por isso que o número de vítimas fatais como consequência desta doença no gigante asiático nos últimos sete dias chegou a quatro, informaram fontes oficiais e hospitalares.

EFE |

Um professor de escola de 42 anos e um cidadão indiano que residia nos EUA morreram hoje nos estados ocidentais de Maharashtra e Gujarat após se agravar seu estado nas últimas horas, segundo as fontes, citadas pela agência "Ians".

O professor Sanjay Kokare morreu em um hospital da localidade de Pune (Maharashtra) na madrugada de hoje, disse o chefe da Unidade de Controle da gripe A, Pradeep Awate.

Enquanto isso, Pravin Patel, residente em Atlanta (EUA), morreu horas mais tarde em um centro de Ahmedabad, principal cidade de Gujarat e sua esposa permanece hospitalizada em estado crítico.

O responsável de saúde regional assegurou que o paciente sofria outras complicações como pneumonia viral e tinha o nível de hemoglobina baixo.

As autoridades de ambas as regiões declararam o estado de alerta e a chefe do Governo regional de Délhi, Sheila Dikshit, convocou uma reunião de emergência na capital indiana.

O Ministério indiano de Saúde registrou um total de 783 casos de gripe A, dos quais mais de 500 já tiveram alta. EFE mb/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG